Iniciei a casada em Curitiba

Sou de Curitiba, e através de meu contos sempre tenho a oportunidade de conhecer alguém, fazer novas amizades.

Desta vez foi bem interessante, pois, recebi um e-mail de Ricardo, casado a 5 anos com Milena. Ricardo entrou em contato dizendo que tinha a fantasia de ver Milena com outro, mas apesar de já ter falado no assunto para ela e na cama curtirem, fora Milena dava para trás.

Entendo, pois, a mulher tem medo de que acabe o casamento, tem que ser com alguém de confiança, sigiloso. Assim, tentei dar algumas dicas a Ricardo que foi repassando a Milena, e cada vez mais ela estava se soltando e se sentindo segura.

Foi quando Ricardo aceitou minha ideia de enviar um conto meu para Milena ler, e ela gostou da ideia, pois, era alguém que ela não conhecia e só queria sexo, como eles.

Chegou o momento de Milena e eu começarmos a trocar watts, me fazia muitas perguntas, tentei deixá-la bem calma e a vontade, de maneira nada forçado, dar tempo ao tempo.

Foi quando depois de dois meses resolvemos nos conhecer, cheguei no local marcado Milena e Ricardo já me esperavam, foi quando tive uma excelente surpresa, Milena 24 anos, loira, olhos azuis, pele branca, dona de uns seios volumosos de silicone e uma bunda bem arrebitada. Ricardo era um cara bem mais velho 48 anos, mas pareciam muito bem de vida.

Tomamos umas cervejas, eles contaram a história deles, que famílias não aceitavam o relacionamento, ele era proprietário de uma grande empresa em Curitiba, e que está fantasia se alimentava a alguns meses.

Deu nosso horário saímos até o estacionamento e na hora de ir embora, fui me despedir de Milena, que me deu um beijo na boca, juntei ela ao meu corpo para sentir ela bem de pertinho.

No outro dia, Ricardo me mandou mensagem dizendo que iriam dar um tempo, que conversaram e acharam melhor assim, que não estavam com certeza se era aquilo que queriam.

Achei que havia feito algo errado ou que não gostaram de mim, mas tudo bem vida que segue e respeito o tempo de todo mundo.

No mesmo dia a noite, Milena me manda mensagem, falando que conversaram, e que Ricardo sentiu ciúmes de mim, falou que eu era um cara elegante e que ficou com medo de deixar ela transar comigo.

Achei engraçado a situação, mas Milena falou que ela queria colocar um chifre no marido comigo, e que agora era missão dela convencer ele. Falei a ela para ir com calma, deixar o ciúmes passar, e aos poucos começar falar no assunto novamente.

Troquei mensagem com Milena por uns dias, ela mandava fotos, estava louca para dar, até que seu marido cedeu.

Marquei de encontrar Milena e irmos a Motel, fomos em meu carro para ninguém vê-la.

Chegamos no motel, Milena foi tirando a própria roupa e ficou só com um conjunto de lingerie rosa, ela estava linda, e muito gostosa, nos beijamos e levei Milena para cama, estava toda produzida, maquiada, perfumada, pronta para ser comida.

Fui beijando sua boca, seu pescoço, desci até seus seios, onde tirei o sutiã, e vi lindos seios, duros, siliconados, beijei, chupei, mordidinhas, estavam durinhos, desci beijando sua barriga, cheguei em sua virilha, enfiei a mão por baixo de sua calcinha, passando pela sua bunda e fui tirando a mesma. Foi quando surgiu uma bucetinha rosa, toda depilada.

Fui beijando dos lados, e aos poucos avançando até seu clitóris, sua bucetinha estava escorrendo já, iniciei dando leves linguadas, suguei seu clitóris, até ficar bem duro, foi quando aumentei os movimentos, e em um ritmos frenético Milena soltou um gemido e sua bucetinha contraia gozando.

Milena, falou que lingua, como eu conseguia? Sem falar nada, voltei a brincar com seu clitóris, levemente, pois, sei que fica sensível, e aos poucos aumentei o ritmo, enfiei dois dedos e toquei o céu de sua bucetinha. Não foi difícil, Milena estava gozando de novo

Milena se levantou, veio me beijar e queria meu pau, fiquei de joelhos e ela de quatro tirou minha calça e começou a mamar, sua bunda arrebitada, ela me chupando, que visão maravilhosa.

Milena se virou oferecendo a bucetinha de quatro, encostei a cabecinha e ela veio rebolando até entrar tudo. Sua buceta estava melada, logo só com as bolas fora, iniciei o vai e vem, aos poucos estava socando, Milena pedia mais, chamava ela de puta safada, enrolei as mãos em seu cabelos e com a outra dava tapas em sua bunda branca, que nesta hora já estava vermelha, socava forte, Milena gostava e e falou que iria gozar, continuei socando, quando senti leves mordidas de sua buceta em meu pau.

Deitei na cama e Mielna veio cavalgar, me beijava, me agarrava, como se fosse seu namorado, enquanto ela rebolava eu chupava seus lindos seios. Segurei forte em sua bunda e voltei a socar, sua bunda enchia minhas mãos grandes. Milena pediu para gozar em sua cara, falei para ela continuar rebolando quando veio o gozo mandei ela se ajoelhar, fiquei de pé na cama, Milena abriu bem a boca colocou a língua para fora e soltei jatos de porra em sua língua, garganta, Milena ainda me chupou para sair a última gota.

Tomamos um banho, foi quando Milena me confessou que seu marido não sabia que ela estava ali, na verdade ela não havia nem pedido para ele para colocar chifre, Disse que ele a provocou comigo, e que havia gostado de mim, e que não gostava de transar com o marido que estava com ele por que sua família havia expulsado ela de casa por estar namorando um cara mais velho, falou que foi morar com ele, mas perdeu o tesão, mas não queria separar devido ao conforto que ele a dava.

Não tenho nada a ver com isso, meu objetivo é apenas dar prazer. E uma coisa que sempre garanto a todos é o sigilo, neste caso não seria diferente.

Fui levar Milena para casa, antes de ela descer do carro ainda demos uma rapidinha, ela estava louca de tesão.

Passou uns dois meses e Ricardo entrou em contato, falando que estava decido novamente e queria ser corno, mal sabia ele que já tinha comido sua mulher umas 5 vezes pelo menos, e desta vez comi ela com o consentimento dele, foi melhor ainda.

Agora posso continuar comendo Milena e seu marido sabendo.

A casais, casadas e solteiras que queiram aventura sem compromisso, entrem em contato, sigilo, descrição são fundamental

[email protected]

2 comentários sobre “Iniciei a casada em Curitiba

Deixe um comentário

CAPTCHA