Tentando convencer minha esposa a transar com outro

Olá, hoje venho narrar um fato que vem mexendo muito comigo nos últimos 2 anos. Casei novo, com uma mulher mais nova do que eu, mulher recatada, com princípios etc.

Minha esposa é muito linda, tanto de rosto como de corpo. Devido a isso, chama muito atenção de outros homens por onde passa, e de certa forma, isso foi mexendo com meu psicológico e despertando um fetiche que até então era desconhecido por mim. Ela é branquinha, seios fartos com bicos rosas, bunda grande, tem um cuzinho lindo que amo chupar, uma bucetinha pequena e toda lisinha, uma verdadeira obra de arte. Com o passar dos anos, fui despertando o desejo de vê-la transar com outro homem além de mim, pois, até então, eu fui o primeiro e único dela até os dias atuais. Comecei tirando umas fotos dela sem ela saber, fotos dela distraída após o banho, fotos dela deitada sem roupa, fotos dela tomando banho, e descobri uns grupos de WhatsApp de maridos que possuem o mesmo fetiche que eu, com isso, acabei entrando nesses grupos, trocamos algumas fotos, e ver os caras elogiando ela, falando o que fariam com ela, me deu muito tesao.

Ler mais

Trai meu namorado no carnaval

Olá, sou a Pamela, tenho 18 anos, e vou contar o que aconteceu no carnaval deste ano.
Meu namorado sempre gostou que eu me exibisse para outros homens, principalmente os mais velhos, vivia dizendo que eu deveria encontrar um homem casado e ser a suggarbaby dele, isso sempre excitou muito ele, e confesso que também ficava excitada com isso. Sou prenda de um CTG de Camaquã, no Sul do RS, e danço com vários homens nos bailes, ele ama assistir a namoradinha dele nos braços dos outros, sou loirinha de academia clara, com os seios médios e a bunda grande, chamo a atenção onde passo, principalmente pela carinha de ninfetinha safada.

Ler mais

O pedreiro fodeu minha esposa

Eu e minha esposa nos separamos há uns dois anos, ela mudou para o interior para morar com a sua mãe. Ela teve que voltar a SP para resolver uns problemas de alugueis da mãe dela e ficou hospeda na casa do seu irmão. Encontramo-nos e fomos tomar uma cerveja, La lembramos do nosso passado e nossas relações amorosas. Ela lembrou as fantasias que fazíamos e que eu sempre quis a ver dando pra outro. Perguntei se estava com outro cara, mas ela disse que não. Teve apenas um cara que foi fazer serviço na casa da mãe dela e ele ficou conversando muito com ela. Sua mãe teve que sair e ficou sozinha com ele que estava fazendo um serviço no quintal nos fundo da casa.

Ler mais

Ménage na praia de nudismo massarandupio

Meu nome e Carlos minha esposa Sandra, eu e minha esposa sempre falamos putaria quando estamos transando. Ela dando para outro eu comendo outra coisa desse tipo. Conhecemos uma praia chamada massarandupio praia nudismo. Já fomos 4 vezes. A muitos anos atrás. Mais minha esposa não queria ir mais os anos passaram chamei ela para irmos para minha surpresa ela aceitou, mais ela não conseguiu tirar a roupa nos ficamos na parte de adaptação. Eu fiquei sem roupa e ela de biquíni. Ficamos o dia inteiro. Ela já estava bem excitada vendo as bom pessoas peladas passando toda hora. Ela ama quando eu chupo a buceta dela. Na onde estavamos não tinha ninguém só agente. Eu puxei o biquíni e comecei a chupar a buceta dela. As 16 horas passou um casal bonito mais ou menos da nossa idade.

Ler mais

Eu, minha irmã e o marido dela

Um dia resolvi tirar a dúvida e perguntei pra minha irmã porque ela sempre deixava a porta do meu quarto aberta e a luz acesa, ela apenas deu um sorriso e me abraçou dizendo em meu ouvido: Você não gosta??? Fique tranquila, você é minha irmã e não tenho ciúmes de você, ele é macho suficiente pra dar conta de nós duas, e já me comeu sussurrando seu nome, eu tinha certeza que ele te desejava por isso passei a deixar a porta aberta e a luz acesa, eu tinha certeza que ao te ver pelada ele não resistiria, e nem você, além do mais eu sinto tesão em saber que ele te come todos os dias de manhã, só não deixa seu marido saber… Qualquer dia vou te levar pra minha cama, pra ele comer nós duas juntas!!! Me deu um beijo no rosto e saiu olhando pra trás e sorrindo, confesso que adorei a ideia.

Ler mais

A manicure da minha esposa

Olá , somos casados a vinte e cinco anos e temos uma vida sexual muita ativa , o que vamos relatar é a aventura que tivemos com a manicure da minha esposa que vamos chama-la de Duda .
Minha esposa faz as unhas uma vez por semana a levo na casa de Duda e depois a busco , em um certo dia quando a levei ela disse que só seria a mão e não iria demorar e pediu para esperar lá mesmo .
Duda estava de mini saia e um decote que valorizava seu enorme seios , que por sua vez são muitos gostosos , minha esposa se sentou de frente para a Duda e eu fiquei na poltrona conversando com elas , Duda estava com uma calcinha vermelha , mesmo que eu não quisesse não tinha como não ver por conta da sua mimi saia ser minúscula , as duas estavam conversando sobre vários assuntos , e dando muitas risadas .

Duda e minha esposa pediu para que eu fosse comprar algo para beber pois estava muito quente aquele dia , prontamente fui ao voltar as duas estava em gargalhadas e olhando para mim , servi bebidas para as duas e ficamos ali bebendo , minha esposa pediu para eu sentar ao lado dela para que não precisasse se virar para falar comigo . Sentei do lado dela e não tinha como notar aquela bucetinha da Duda de baixo da calcinha , minha esposa percebeu que eu estava olhando e me perguntou se tinha perdido alguma coisa ali , disse que não e elas deram risadas , a conversa foi fluindo quando minha esposa pergunta a Duda se ela já tinha se relacionado com algum cliente, Duda ficou vermelha de vergonha e disse que não , minha esposa começou a passar uma das mãos em minhas pernas eu

estava de shorts e Duda ficou ali vendo minha mulher me acariciar , o shorts que eu estava era folgado e quando minha esposa foi subindo a minha rola ficou dura na hora Duda percebeu e ficou um pouco com vergonha e deixando o alicate cair no chão , quando se encurvou para pegá-lo vimos seus lindos seios , minha rola ficou mais dura ainda , minha esposa percebeu e falou nossa o menino está bem acordado .

Duda é divorciada e quando percebeu que eu estava com a rola dura sorrio para minha esposa , minha esposa perguntou para Duda o porquê do sorriso , Duda olhou para meu shorts e ficou quieta, minha esposa percebendo tirou minha rola para fora e começou a me punhetar na frente de Duda que a partir desse momento já não estava conseguindo fazer as unhas da minha esposa .
Minha esposa então pergunta para Duda se ela queria provar , Duda morde os lábios mas não responde , minha esposa fala pode vim eu divido ele com você , Duda então se ajoelha em minha frente e começa a fazer um boquete e minha esposa começa a me beijar , e eu não estava acreditando no que estava acontecendo.

Comecei a acariciar as duas , fui passando as mãos no corpo da Duda e ao passar as mãos em seu seios ela soltou um gemido que fez minha esposa parar de me beijar e perguntar está gostando amiga , Duda balança a cabeça positivamente , nesse momento sento a Duda no sofá e tiro a mini saia que ela usava , ponho sua calcinha de lado e começo a chupar sua buceta que já estava toda molhada , Duda se contorcia toda e dava vários gemidos , enquanto eu a chupava minha esposa estava me fazendo um belo boquete.

Em um certo momento coloquei Duda de quatro e comecei a colocar minha rola naquela buceta encharcada, num vai e vem delicioso ,Inha esposa se sentou de frente para a Duda e lhe ofereceu a buceta Duda não pensou duas vezes e começou a chupar minha esposa , em um ritmo enlouquecedor , eu estava dando fortes estocadas em Duda e nesse momento estava falando que ia gozar e pedia para eu estocar mais forte , minha esposa começou a chupar os peitos de Duda , que soltou um gemido alto e começou a gozar e se tremendo toda de tesão . Sentei Duda de novo no sofá , peguei minha esposa de quatro de frente para a Duda e comecei a penetra-la e pedi para que chupasse a Duda , minha esposa prontamente fez , eu estava comendo minha esposa de quatro e ela estava chupando a Duda sentindo

o gozo dela , minha esposa logo gozou , Duda se levantou e começou a me beija e eu ali comendo minha esposa e Duda me beijando , eu já não estava mais aguentando e falei que ia gozar , Duda perguntou para minha esposa se podia tomar meu leite minha esposa respondeu que sim , Duda se ajoelhou, nesse momento tirei a rola da buceta da minha esposa e Duda abocanhou sugando toda minha rola eu já não aguentava mais , soltei um gemido alto e gozei em sua boca , Duda não desperdiçou nenhuma gota engoliu tudo , ficamos ali parados por alguns minutos , fomos os três para o chuveiro , tomamos um banho nos acariciamos mais um pouco e transamos os três de novo só que agora no quarto da Duda , gozamos mais uma vez nos vestimos e já era um pouco tarde fomos embora e sempre que podemos transamos os três .

Apimentei as noites com a minha esposa!

Ola Me chamo Diego e minha esposa Roberta nome fictios para proteger nossa identidade, vou lhes contar uma experiencia que eu e minha esposa tivemos, fazíamos sexo com frequência e era muito bom, mas em umas das nossas transas tive a ideia de apimentar a relação com algo novo, enquanto eu penetrava ela lembrava de brinquedos dos quais eu poderia oferecer para que minha esposa virasse ainda mais minha puta na cama, foi quando pensei em plugs, e em consolo aqueles realistas, enquanto eu estava socando nela criei coragem e perguntei ” tá gostando minha puta das socadas ?” Ela dizia que tava muito gostoso, então eu perguntei ” o que acha de um outro pau igual o meu na sua boca enquanto-lhe satisfaço por trás? ” Ela demorou um pouco, como se estivesse com vergonha de

Ler mais

O Marido da minha amiga

Oi gente, me chamo Renatta(fictício), tenho 1,78 de altura, peso 65kg, sou do tipo falsa magra, seios pequenos, quadril médio e pernas grossas, não sou maravilhosa( pelo menos não me acho) mas por ser alta chamo muita atenção.

Como já escrevi antes, sou de Minas, e ah alguns anos morei em Varginha, lá eu era muito sozinha, apenas ficava de casa pro trabalho e do trabalho pra casa. Foi quando conheci Micaelle, ela trabalhava conosco, sempre nos demos muito bem, e às vezes em algumas conversas me contava como seu era tarado, ele era insaciável, um verdadeiro garanhão. Confesso que ficava com uma pontinha de inveja, eu já estava há 4 meses lá e só conhecia Mica e o seu marido Carlos.

Ler mais