Fazendo Sexo Oral na escada do prédio

Olá tudo bem com vocês ? Vou me descrever no inicio do meu relato erótico, Sou bem baixinha, 1,53 de altura, cabelo ruivo e olhos bem grandes… Esse conto é real e aconteceu quando eu tinha 18, mas nunca esqueci…

Desde pequena nunca me interessei muito por namoro nem nada, queria focar nos estudos e tinha medo dos meus pais acharem que sou como as meninas aqui do prédio que moro (um monte de safada).

Mas tudo mudou quando um menino lá da igreja, começou a puxar papo comigo. Ele estudava na mesma escola que eu, mas ele era do terceiro ano, e eu do primeiro. Ele era moreno e tinha mãos fortes e tocava violão (vou chama-lo de Rafael).

 

Sempre adorei menino que toca. De vez em quando ele passava na minha rua e olhava e sorria, e aquilo mexeu comigo, senti um calor estranho e minhas mãos ficaram úmidas.

Em um sábado, estava com uma amiga voltando para casa quando vi o Rafael saindo da igreja, ele perguntou se podia me deixar em casa porque a casa dele era caminho também. Dei tchau pra minha amiga e segui com ele.

Chegando na portaria do meu prédio, ficamos conversando e conversando até que ele me beijou. Com medo do meu pai pegar a gente ali, subimos até os últimos andares onde quase ninguém subia…Voltamos a nos beijar e fiquei sem saber oq fazer, pq junto com o beijo, as mãos dele procuravam minha cintura e acabou descendo pra minha bunda.

Na hora assustei e empurrei ele, ele disse que me queria como namorada e aquilo me deixou muito apaixonada.

Conversamos durante um tempo e ele disse que iria começar a me tratar como namorada e começou a me beijar. Quando colou o corpo no meu, senti seu pau duro pressionando meu corpo, fiquei com medo e curiosa, nunca tinha sentido um.

Ele então colocou o pau pra fora na cara dura e começou a se masturbar, eu fiquei com vergonha e ele falando que tava tudo bem, pegou minha mão e levou ao pau dele. Fiquei muito nervosa e fiz que não com a cabeça, ele disse que seria só um pouquinho pra eu sentir. Coloquei a mão e senti aquele membro quente e duro, cheio de veias. Ele balançou minhas mãos pra cima e pra baixo e fui depois fazendo sozinha, logo ele começou a me beijar e devagar foi tentando empurrar minha cabeça até seu pau.

Fiquei sem saber o que fazer, estava poucos centímetros do meu rosto, já encostava no meu cabelo e eu dizendo que não mas também não oferecendo tanta resistência.

Ele disse que seria um minutinho só, decidi aceitar, coloquei aquele pau duro na boca, devia ter uns 15 ou 16 cm, mas até que era grosso, fiquei com o pau parado na boca e ele mexia, gemia e ficava dizendo que agora eu iria chupar aquele pau todo dia, que uma chupava muito bem, e enfiava cada vez mais e comecei a sufocar, ele tirava e se desculpava, depois pincelava nos meus lábios e batia devagar nas minhas bochechas… confesso que aquilo me deixou um pouco molhada…

Então segui chupando e chupando até que percebi que ele se contorcia, pedia pra eu não parar, eu imaginava o que estava por vir e pensei em tirar antes dele chegar lá, mas quando ele começou a gozar, segurou minha cabeça forte empurrou, senti um jato forte e uns dois ou três menores na minha boca, era salgado e acabei engolindo uma parte…

Ele tirou o pau da minha boca meio mole meio duro, espremeu e ainda saiu mais umas gotinhas, pediu pra eu passar a língua e eu fiz… aquela porra grudou no céu da minha boca e pingou no meu cabelo…

Tentei beijar o Rafa depois mas ele não quis, mas que na segunda feira queria que eu fosse de saia para e faculdade pq ele tinha planos pro intervalo.

Fiquei muito tempo pensando em tudo aquilo e no começou me senti uma piranha, depois fui me acalmando. Procurei aprender mais na internet pra não decepcionar o Rafa na faculdade.

Brigadinha por lerem!

Desculpa se não foi tão bom, foi meu primeiro conto baseado numa história bem real!

2 comentários em “Fazendo Sexo Oral na escada do prédio”

Deixe um comentário