Trepada no CineSex São João

Tesão ao nível hard resolvi ir no centro de SP, na avenida São João, onde tem um cinema chamado cine sex, os caras se pegam às escuras, ou vão para espaços para conversarem e talvez sair de lá com alguém. Sempre chego tímido, olhando e procurando algo que realmente me interesse. Eu negro, 1,78, porte de academia, de barba, até que chamo a atenção. Sentei em frente ao telão onde estava passando aqueles filmes clichês pornô. Fiquei uns 10 minutos e fui andar e ver o que tínhamos por lá. Em outro espaço tem uma sala escura, com vários caras se pegando. Escuro ou você apalpa e vê o que tem ou pega o que vier, eu fico na parte de apalpar. Apalpei e cheguei a um cara, braços fortes, alto, peito grande e duro, bunda grande e gostosa, pau pequeno para aquele porte, coxas grossas, barriga não era

tanquinho mas reta. Parecia ser um tipão. Passei a mão no rosto pra imaginar, lábios grossos, nariz grande, cabeça raspada máquina 1. Imaginei ser um negro. Ele pegou no meu pai e nos beijamos, um beijo gostoso, quente, provocativo, malicioso. Ficamos naquela pegação um bom tempo, até que fomos para o banheiro onde acontecem o que todos sabem. Na claridade pude ver, realmente era um negro, bem bonito, bem cuidado, dentes alinhados. Entramos no banheiro ele já foi tirando a roupa deixando claro o que ele queria. Dar o cu, chupou meu pau, minhas bolas, engolia meu pau inteiro (são 17cm reto). Deixou bem molhado se virou e foi enfiando dentro do cu dele.

Apertadinho, depilado, tudo em dia. Rebolava aquela bunda gostosa, malhada e durinha no meu pau, se virava pra me beijar, gemia e falava que queria dar pra mim o dia todo. Eu tirei meu pau, virei ele beijei mais, roçava meu pau no dele que apesar de pequeno estava estalado de duro. Ele pediu mais rola, eu dei fodi com força, a bunda dele balançava quando meu quadril batia nela, me dava mais tesão pq a cada estocada ele levantava a cabeça e fazia uma cara de dor de prazer. Aí eu metia mais, quando estava perto de gozar eu tirava, virava ele e descansava o pau, ficamos naquela banheiro por uma hora e meia eu acho. Até que não aguentava mais e gozei. Nós limpamos, fomos ao bar tomar uma cerveja e de lá saímos, fomos a casa dele, transamos de novo, acabei dormindo com ele e de manhã fui embora. Nunca mais eu o vi, nunca mais soube dele, não trocamos telefone, nem e-mail, nem nada… A empolgação foi tanta que não nos atentamos a esse detalhe e pior, minha memória é tão ruim que não recordo o lugar onde ele mora.

1 comentário sobre “Trepada no CineSex São João

  1. Sou moreno claro,46 anos,1mt72 18 cm de pica cheia de veia.Ja como muito cu vi de branquinho lisinho dentro de cinema pornô no centro de SP.Rua Rio Branco,Largo do Arouche, na Ipiranga,na São João,no Largo do Paissandu…novinhos de 18 anos e até mais cara casados e até casais já transei sendo eu o ativo.Tesão do caralho.Ja peguei umas bonecas lindas meses cinemas,minha preferência por eu ser Moreno são as branquinhas e os branquinhos lisinhos mas já fodi o cu vi de alguns morenos lisinho vestidos com calcinha as vezes das suas irmãs ou mães ou esposas.Muita putaria.
    Alguém pra putaria no celular me chama
    Sigilo total e discrição
    Nove cinco dois sete três meia dois quatro três

Deixe um comentário

CAPTCHA