Meu amigo me enrabou gostoso

Gente, esse caso aconteceu comigo essa noite e assim que tive tempo corri aqui pra contar, espero dar muito prazer pra vocês.
Era sábado 20:00 hr e eu estava morrendo de tédio em casa, nem um filme bom passando. Pego o celular para ficar vagando pela internet quando me lembro que tinha emprestado um pen drive com filmes ao Bruno, um amigo que trabalha comigo. Enviei uma msg perguntando se podia ir buscar e se o Hiury(marido dele) acharia ruim, ele disse que não, então peguei a moto e fui.
O prédio que Bruno morava era grande e seu apartamento muito bonito e organizado, toquei a campanhia e ele atendeu. Para minha surpresa de samba canção e sem camisa: vou descrever um pouco a visão que eu tive, Bruno é negro e tem um corpo forte atlético de jogador de futebol, com um abdomen bem definido de deixar qualquer um maluquinho! Cumprimentei todo sem graça.

_ Oi, desculpa atrapalhar vocês a essa hora!
_ Tem problema não o Hiury nem ta em casa, seu pen drive ia ficar aqui pra sempre se não viesse buscar. Eu ri entrando.
_ Cade o Hiury?
_ Foi pra casa da mãe dele.
Sentamos no sofá, estava passando “O homem nas trevas” na TV.
_Esse filme é foda cara. Eu disse esperando ele dizer alguma coisa, mas ele não falava nada. Então ele pergunta.
_ Você ta pegando a Tiely né? Fiquei apavorado na hora.
_ Quem te disse isso?
_ A Joyce, a Tiely contou pra ela. Eu não entendi nada achei que você era gay!
_ Sou bi.
_ humm.
_Que foi? Perguntei
_ Nada. Ele voltou a ficar em silêncio e eu começei a fantasiar em minha mente que estava sózinho com aquele negro lindo no apartamento, reparei tambem que dava pra ver o contorno do pau do Bruno pelo Samba Canção. Tomei um susto quando ele falou comigo e percebi que ele estava me vendo olhar pro pau dele.
_ Eu fico com mulher tambem, mas prefiro homens, da menos trabalho. Você é ativo ou passivo?
_ prefiro ser passivo, e você?
_ sou ativo. Me olhou sorrindo. Ta afim de ficar comigo agora?
_ Ta doido? E o Hiury?
_ Da nada não rapaz é só você não falar nada! Ele falou sentando perto de mim. Eu sorri meio nervoso olhando pra ele e pensando: E agora? Se eu não for nunca mais vou ter uma chance dessas. Foda-se, eu vou!
_Eu quero. Falei sorrindo de nervoso. Bruno me puxou pelo pescoço e beijou minha boca, pegou minha mão e colocou no pau dele que era bem maior que o meu, oque me deixou com muito tesão pra dar meu cuzinho. Paramos de nos beijar, ele fez eu me ajoelhar na frente dele e tirou aquela pica preta gostosa e dura só pra mim.
Primeiro chupei as bolas e fui lambendo até a cabeça abocanhei o maximo que pude, massageando o saco e chupando o pau, ele segurou minha cabeça e começou a meter na minha boca, que delicia! Babei tanto aquele pau que escorregava na minha boca, achei que ele ia gozar a qualquer momento. Então ele urrou! me levantou segurando meu braço e com pressa me levou pro banheiro dele, parecia que estava sendo estuprado, mas na verdade estava adorando ser tratado como a puta que eu sou.
Entramos no banheiro que era bem grande, ele abriu o chuveiro e nos beijamos denovo debaixo da água quentinha, ele chupava meus lábios e foi descendo pros meus mamilos enquanto me punhetava até que chegou no meu pau apertou ele e começou a chupar com força enquando enfiava o dedo no meu cuzinho, começei a meter na boca dele tambem, logo gozei na boca dele.
_ Agora é minha vez! Ele falou ficando de pé e me virando com a bunda pra ele, confesso que deu um medinho nessa hora, mas logo o medo deu lugar ao prazer.
Ele me fez abrir um pouco as pernas, cospiu, passou no pau e esfregou no meio do meu cuzinho. Aos poucos eu o senti todo duro abrindo meu buraquinho e enfiando toda sua tora, meu cuzinho ia se abrindo e seu pau entrando cada vez mais, fui relaxando, ele estava muito excitado, começou a fazer movimentos mais rápidos, segurando com muita força na minha cintura enfiando fundo e eu arreganhando mais minha bunda. ele continuava entrando e saindo parecia que o Bruno estava com raiva do meu cuzinho que ja estava ficando até dormente. Ele falou no meu ouvido.
_ Deixa eu gozar no seu cu amor, deixa eu gozar no cu da minha putinha? Eu gemendo_ Goza no cu da sua puta meu negão!
Empinei bem a bunda e ele gozou tudinho no meu cuzinho enchendo minha bunda de porra, ele me abraçou por traz, tomamos banho, bebemos vinho e eu fui embora com meu cuzinho arrombado, quando cheguei em casa percebi que esqueci o pen drive na casa dele.

Deixe um comentário

CAPTCHA