Fodendo gostoso um cuzinho virgem

Olá, estou de volta com meus relatos sexuais e hoje vou falar do dia em um amigo virgem me provocou ate enrabar ele. Eu moro sozinho e por isso sempre recebo visita de amigos e amigas e sempre rola sexo com algumas amigas mas nunca tinha metido com nenhum amigo até que um dia recebi a visita de um amigo que tem 19 anos, 1,70 de altura ele é magrinho e branquinho e tem uma bunda até considerável grande, ele sempre é carinhoso, gosta de abraço e todos sabemos que ele gosta de homens mais isso não influencia em nada nossa amizade, aí nesse dia que ele veio dormir em minha casa, nós ficamos assistindo filme por um tempo e depois conversamos por um tempo, falando sobre

relacionamentos, trabalho, sobre a vida em geral e começamos a conversar sobre sexo, ele me perguntou:
– Você já transou com algum afeminado?
Eu respondi tranquilamente que não,
E perguntou que foi minha primeira vez com uma mulher, eu respondi:
– Então, para mim foi bom, eu já sabia tudo que devia fazer e não fazer então facilitou tudo.
Ele depois confessou que era virgem, queria transar mas tinha medo, que tinha uma pessoa que ele tinha sido mas que ele tinha ficado com medo, então eu me ofereci para tirar sua virgindade.
No início ele falou que melhor não, mas logo depois pediu para ver meu pau, e falou:
– Nossas, você vai me deixar todo rasgado.
-Eu prometo que vou fazer com bastante atenção e carinho.
Depois disso ele tirou meu short e começou a acariciar meu pau e chupar, logo eu tirei sua roupa e deitei na cama com a bunda para cima e olhei e vi que tava raspadinho e limpinho pareceria ser bem apertadinho, então comecei a lamber e meter o dedinho, depois que seu cuzinho tava bem lubrificado eu coloquei ele para chupar meu pau depois disso eu comecei a colocar, lentamente, para não doer aí depois que já estava entrando mais fácil e ele já estava sentindo mais prazer mudamos de posição tentamos tipo de um papai e mamãe ele tava com o pau enorme e igual pedra eu só acariciei por pouco tempo ele gozou respingou até no próprio rosto, aí eu deitei e ele veio cavalgando por cima de fazendo gemer bem alto e eu falando:
– Vai minha putinha gostosa, rebola vai
Aquilo estava me deixando louco, então voltei a colocar ele de 4 agora eu comecei a meter com bastante força até gozar, os dois caíram na cama cansados, já era tarde Edna noite então acabamos dormindo daquele jeito pelados e ele com o cuzinho escorrendo porra, quando era de madrugada ele me acordou com um boquete maravilhoso então fomos tomar um banho la dentro demos uma rapidinha e quando voltando não vestimos e fomos dormir, logo depois disso não transamos mais, mas sempre ele me fala está se preparando para chupar meu pau novamente.

Deixe um comentário

CAPTCHA