Eu criei, Ela fez

Oi, meu nome é Bart (nome fictício) tenho 22 anos e moro em Niterói, RJ.
Eu namoro com a Vanessa a 3 anos.
Moramos juntos a 2.
Ela trabalha como vendedora numa loja de roupas, e eu sou gerente de um restaurante.
Nossa vida é muito corrida, e quase não temos mais tempo um pro outro por conta dos nossos trabalhos.
Eu sempre fui um cara que gostei de inovar no sexo, e Vanessa já não pensa tanto nisso, caímos na rotina por conta do trabalho.


Chegamos cansados e dificilmente transamos.
Eu também gosto muito de assistir pornô, e comecei a imaginar como seria ela transando com outro. Eu não queria perde-la, então fantasiei sozinho nós 3 tramando com mais um cara. Eu queria inovar pra ela.
No começo foi meio estranho, mas depois gostei, porque queria ver, e saber que aquilo só estava acontecendo porque eu permiti.
Certa vez ela chegou do trabalho e me viu com a rola dura em cima da cama, veio até mim e perguntou…
– Hummm, que animação
– É, eu quero conversar com você.
– Amor, meu dia foi cheio, não vamos brigar.
Eu abracei ela e ela botou a mão na minha rola. Fui no ouvido dela e falei…
– Vamos fazer algo diferente ?
– Vamos, o que você propõe.
– Vamos transar hoje, imaginando mais uma pessoa com a gente ?
Ela riu, e disse…
– Tem certeza amor? Não vai grilar?
– Tenho. Vamos!
Comecei a tirar a roupa dela… e falando pra ela imaginar outro cara, bem gostoso, com uma rola grande, grossa, cabeçuda, e que ela teria os dois com ela.
Ela foi se soltando, deitou comigo se masturbando e chupando meu pau de olhos fechados.
Falei pra ela imaginar um outro cara ali no meu lugar…
Ela foi gostando, gostando, e eu também.
Imaginando ela fazendo com outro cara… a minha mulher…
Nossa, que tesão.
Transamos, ela gozou como não gozava a muito tempo.
Dormimos.
No outro dia ela chega do trabalho dizendo que conseguiu uma promoção no trabalho, super feliz e veio me contar… Mas mas essa tal promoção, tinha um porém.
– Amor, lembra daquela vaga de gerente de vendas? Então, eu consegui!
– Que foda amor, Vamos sair pra comemorar?
– Então, precisamos conversar sobre ela…
– Conte, o que houve?
– O Rodrigo, gerente de marketing que conseguiu minha promoção. Claro que com o meu esforço, mas foi graças a ele.
– Ue Amor, e qual o problema ?
– Então, ontem fizemos aquela novidade certo ?
– Sim, o que que tem?
Ela veio no meu ouvido e disse…
– Eu fiz sexo com o Rodrigo.
Na hora, eu fiquei em choque, e sem reação.
Porra, eu achei que ela me contaria antes no mínimo!
Ela continuou….
– Eu fiz, pra ele me dar a promoção, e pra te contar tudinho quando chegasse.
Eu fui ficando com a pica dura, e sem entender.
Ela botou meu pau pra fora, e começou a me masturbar me contando.
Ela continuou…
– Ele chamou me na sala dele.
Sou obediente, e fui. Ele estava sem blusa, com um papel na mão. Quando vi aquele peitoral malhado, comecei a ficar nervosa. Ele me disse que tinha chego o papel que era o contrato da minha nova função.
Eu peguei uma caneta pra assinar, mas ele puxou levemente o papel da mesa e disse…
“Foi dificil conseguir essa promoção.
Eu também quero algo.” E sorriu…
Em troca, eu precisava fazer uma coisa pra ele.
Ele sabia que eu era casada, o que deixava ele com mais tesão, e ele já queria ela a muito tempo.
Na hora, entendi o recado e fui chegando perto dele… Comecei beijando ele, o pescoço, barriga.
Logo senti que a piroca dele estava bem dura, e botou pra fora. Amor, era muito grande! Maior que a sua.
(Disse ela apertando minha pica)
Continuou…
– Fui beijando, e mamando a rola dele. Amor, que pica!
Tirei a blusa e fiquei mostrando os seios pra ele…
Porém, ele tinha ejaculação precosse, e já estava se contorcendo.
Chupei muito, passando a mao no peitoral lisinho e malhado dele.
Ele não aguentou muito e encheu a minha boca de porra logo.

(CONTINUA…)
Se tiver muitos comentários, eu trago a continuação!

1 comentário sobre “Eu criei, Ela fez

Deixe um comentário

CAPTCHA