Bombeiro tarado da mangueira quente

Sou Paloma tenho 23 anos, seios pequenos e bunda quente , cabelo lisos médio e sorriso safado , 1,60 de pura sacanagem .
Dia tenso no trabalho shopping lotado e estresse a flor da pele, 22:00 horas hora de ir para casa , estava cortando caminho pela escada de emergência ouço passos lentos ergo a cabeça fico sem ar , meu Deus que pedaço de perdição , bombeiro braços fortes olhos verdes cheio de segundas intenções , não consigo desviar o olhar meu corpo já despertou preciso apagar este fogo aqui e agora meu sexo esta pulsando a boca seca.


Boa noite garota ( que voz rouca )

Vc esta bem ? Parece agitada , posso ser útil .
Não pensei 2 vezes abraçei o pescoço dele e o beijei , beijo desesperado cheio de desejo , Comecei tirar a farda dele, ele segurou minha mão não posso delicia estou em horário de trabalho .  Quero vc dentro de mim agora, fiquei de joelhos desabotoei a calça , libertei o meu brinquedo 18 centímetros duro igual uma pedra , não perdi tempo coloquei

todo na boca quente e delicioso, Ramon vai com calma eu vou gozar , levantei tirei minha calcinha levantei o vestido, fiquei de quatro segurando nos degraus da escada , Ramon me penetrou com tudo , que delicia mais forte meu gostoso apaga o fogo da sua vadia , mete com força , cada estocada um tapa, minha bunda ardia de prazer , mais forte mais forte , goza pra mim , goza , toma meu leite  sua safada.

1 comentário sobre “Bombeiro tarado da mangueira quente

Deixe um comentário

CAPTCHA