Sendo enganado pelo pedreiro

Olá a todos, me chamo Junior, sou de Ribeirão Preto e tive minha primeira vez com outro homem com 16 anos mas, com 30 anos tive um experiência realmente marcante.

Neste tempo todo, algumas coisas mudaram. Me casei, hoje tenho um filho e trabalho como administrador de obras. Mas a vontade de outro homem nunca sumiu. A história que vou contar aconteceu a uns dias atrás, exatamente no diaQuem conhece este ambiente, sabe o quanto de besteira e comentários são ditos na obra. Desde o início, me simpatizei com um rapaz que tem o apelido de Índio, educado, trabalhador e bem competente. Moreno índio mesmo, 1.90, 93kgs, corpo forte pelo serviço que presta. Um dia normal e um dos irmãos dele, que também trabalha na mesma obra soltou um comentário que me fez virar a cabeça.

Ler maisSendo enganado pelo pedreiro