Quando me mudei para Capital

Meu nome é Vanessa e tenho 26 anos. Hoje vou contar sobre o dia em que transei com meu patrão.
Bem, na época eu tinha 22 anos e vim morar com meu namorado na capital. Comecei a trabalhar como empregada doméstica em uma casa e logo no primeiro dia, o patrão me chamou muito vá atenção. Ele era (é) alto, forte e moreno claro, como eu gosto. Olhos cor de mel penetrantes, um tesão. Eu apenas o via quando eu chegava ao trabalho. E sempre acompanhado da esposa, logo que eu entrava os dois saíam juntos para trabalhar e a esposa chegava antes dele na casa. Neste horário eu ia embora. Meu desejo por este homem era tanto que quando eles saíam e eu ficava sozinha, antes de começar a limpeza eu me despia, deitava na cama dele e acariciava minha boceta pensando nele. Só depois de bem satisfeita é que eu me vestia novamente e começava o trabalho.
Pois bem. Aconteceu que em um belíssimo dia eu estava lá limpando e de repente ele apareceu. Havia sido dispensado mais cedo do trabalho. Tremi. Agora era a hora. Ele me cumprimentou e foi direto ao quarto descansar. Deitou-se na cama com o notebook na barriga e me pediu para que lhe levasse um suco de laranja. Subi a escada com o coração na mão. Borboletas pareciam saltar no estômago. Entreguei o suco e ele agradeceu com um sorriso. Disse à ele que só faltava aquele cômodo para limpar. Me virei de costas e comecei a limpar o espelho que fica nos pés da cama, abaixando e empinando a bunda de maneira bem provocativa. Vi pelo espelho que ele me observava. Estava olhando diretamente para minha bunda! Isso me excitou ainda mais. Fui movimentando a bunda e os quadris, me exibindo para ele. Logo após, fui limpar a prateleira sob a cabeceira da cama. Eu estava usando um shorts curto de lycra bem agarrado, marcando bem a minha pata de camelo. Me posicionei de maneira que minha boceta ficasse

então, bem próxima ao rosto dele, sendo impossível ele não olhar. Neste instante, ele já nem disfarçava mais. Olhava com cara de safado direto para o meu capozão. Percebi que seu pau estava duro por baixo da calça.Minha boceta pulsava… Está calor, né? Eu disse, sensualizando. Se importa? Eu disse e tirei minha camiseta. Ele não resistiu. Levantou- se da cama e me beijou calorosamente. Tiramos a roupa e ele começou a me chupar bem gostoso. Também comecei a chupa-lo, fizemos um 69 maravilhoso. Minha vagina estava muito molhava, eu sentia uma onda de calor enorme, como eu nunca havia sentido. Vibrava. Eu sentia minha vagina contrair-se na boca dele. A sensação era de extremo prazer. Não resisti. Enquanto era chupada daquele jeito ardente e engolia seu pau gostoso inteiro, eu

gozei. Foi muito intenso. Expeli um jato bem quente em sua boca. Eu estava trêmula, anestesiada. Nunca havia tido um orgasmo tão intenso! Ele continuou, me pôs de quatro e começou a me foder bem forte. Eu sentia seu pau tão gostoso batendo lá no fundo, no meu útero. Isso me dava uma sensação deliciosa. O ritmo era rápido e intenso. Gozei de novo. Mas a cada gozada eu queria ainda mais. Com ele deitado na cama, me sentei sobre ele e comecei a friccionar meu grelo com força sobre seu púbis. Assim, enquanto seu pau estava inteirinho dentro de mim, eu poderia ter uma sensação de imenso prazer no clitóris. E nesse esfrega- esfrega ele ainda chupava meus peitos! Que tesão! Que delícia! Que homem gostoso! Gozamos juntos. Um orgasmo sincronizado, perfeito. O mais intenso da minha vida! Queria que aquele momento fosse eterno e é como se tivéssemos parados no tempo mesmo. Ainda tive o prazer de chupar toda aquela porta que restava no seu pau. O gosto era incrivelmente bom. Viciante. Uma pena que acabou.
Depois dessa ele passou a sair mais cedo do trabalho às vezes para fodermos. Fodíamos no quarto, na sala, na banheira, no chuveiro. Mas isso é história para outras vezes.
Foi um prazer poder relatar aqui essa experiência incrível que tive durante o tempo de empregada. Isso é tudo, até a próxima.
Bjs na piroca.

2 comentários sobre “Quando me mudei para Capital

  1. Safada puta gostosa.Aproveito pra agradecer aos casais que tem me mandado imagens e muita putaria no meu e mail e no whats.Vcs de Minas Gerais do Maranhão Paraná Santa Catarina Rio de Janeiro e toda São Paulo interior Capital ZN ZL ZS.Sempre com total sigilo e discrição aos corninho que mandaram das suas gostosas esposas noivas namoradas sem elas saberem e as mulheres solteiras e as casadas noivas ou namoradas que enviaram-me sem os corninhos saberem também.Valeu pela putaria pelo sigilo total e discrição e vamos continuar liberando tesão e a libido as fantasias
    Onze nove cinco dois sete três meia dois quatro três
    [email protected]

Deixe um comentário

CAPTCHA