Traindo meu namorado com homem casado

Meu nome é Camila, moro em MG, sou morena clara, hoje com 24 anos, esse é meu primeiro conto.
Tenho namorado, ele é muito carinhoso, me fode com muito carinho, mas também muito intenso.
O que vou contar aconteceu uns meses atrás, eu estava de bobeira no serviço e entrei em uma sala de bate papo, as conversar lá me excitam muito, todos são muito safados, conversa vai e conversa vem, conheci um homem que morava relativamente perto, ele tem 41 anos e é casado. Insistiu muito e eu decidi encontrar com ele, mas nada iria rolar nesse dia.


Quando nos encontramos, eu já estava tremendo de medo e tesão, muito nervosa. Quando vi ele, nossa! É mais velho mas muito bonito, e muito educado, não forçou nada. Eu fiquei muito a vontade, ele me elogiou muito, e também foi sincero, disse que a esposa estava viajando e que estava muito afim de uma aventura, mas respeitava se eu não quisesse.
Eu combinei de ir no ap dele no dia seguinte, estava com tesão nas nuvens.
Chegando lá, toda nervosa, ele me recebeu, me chamou pra entrar, me tranquilizou, e quanto estava a vontade, ele me levou na cama.

Lá nos beijamos, eu senti o pau dele duro em mim, tirou minha blusa, apertou meus seios, apertou o biquinho, nossa! Me senti possuída. Ele me empurrou devagar até eu ajoelhar, e eu mesma abaixei a bermuda dele, senti o pau pela cueca, mordi, alisei, tirei pra fora, tava todo babado e duro, eu caí de boca. Ele segurou meu cabelo e forçou minha cabeça pra engolir todo, Várias vezes, até que eu mesma tomei fôlego, engoli todinho e segurei na bunda dele forçando contra minha cabeça.

Depois ele deitou na cama, andou eu tirar a roupa toda dele, eu tirei, ele me pôs por cima, com a cara na minha bunda e eu chupando ele. Senti o dedo dele no meu cuzinho, levei um susto!
Fiquei ali mamando e sendo dedada no cuzinho, ele começou a falar besteira pra mim, disse que ia ser meu dono, se eu aceitava… eu aceitei né? Que escolha eu tinha ?!
Ele me levantou, me deitou na cama, chupou minha ppk, nossa, que delicia! Pôs o pau cabeçudo dele nela. Ficou beijando meu pé e me comendo.

Depois me pôs de 4, fodendo a ppk e enfiando o dedo no meu anelzinho. Derrepente, outro susto, levei um tapão na bunda. Gritei na hora, ele nem ligou. Disse que agora ia comer meu cuzinho, nossa! Pedi pra ir devagar.
Ele me deitou de bruços, mandou eu abrir a bunda com as duas mãos, eu abri pouco, senti outro tapa, ‘’Abre com força Camila !’’ eu puxei mais, mas ele mesmo abriu, nossa quase rasgou minha bunda. Aí falou: ‘’segura assim, bem aberto, se não vai levar tapa’’.

Aí ele pôs a cabeçona da rola dele no meu anelzinho. Caralho! Doeu, pôs só a cabeça e tirou. Doía quando entrava e quando saía, só que eu deixei ele perceber que quando a cebeçona passava no anel pra entrar a pra sair. Então ele aproveitou e fico só tirando e pondo, entra e sai, entra e sai, só a cabeçona. Caralho! Eu até mordi o lençol, sentindo meu anelzinho ficar todo aberto. Nisso eu já tava toda suada, ele também.
Me pôs de 4, meteu uns tapas que deixou meu bumbum ardendo e encaixou no meu cuzinho, eu vi estrela, mas só gemi. Ele deitou minha cabeça na cama, de modo que eu fiquei só com a bunda pra cima, empinada levando no cuzinho, ele pisou no meu rosto e falou umas putarias, depois mandou eu lamber o pé dele. Ele gozou dentro do meu cuzinho.

Caiu na cama de lado, respirando fundo. Na hora eu deitei por cima dele e comecei a beijar na boca.
Ele perguntou se queria parar, ou continuar, eu disse que ele podia descansar, depois eu queria mais um pouco. Rsrsrsrs
Beijamos mais um pouco e eu desci pra chupar o pau dele, tava meio mole, mas eu chupei, depois lambi as bolas, tava lisinha, não tinha pelo. O pau já tava quase todo duro, quando eu me abaixei e passei a língua no cuzinho dele.. ele gemeu na hora, o pau ficou duro.
Segurou minha cabeça pra mim continuar lambendo.
Depois ele disse que tinha uma fantasia, se eu topava… eu disse: ‘’você é meu dono né?’’
Ele me pôs de bruços de novo, achei que ia levar mais na bunda, mas ele veio por cima e pôs na ppk, e colocou uma calcinha da esposa dele na minha cara, mandou eu lamber enquanto ele me fodia. Enquanto eu lambia sentia a boca dele bem perto lambendo meu pescoço. Gozei.
Depois de um tempo, ele parou de foder, se levantou e gozou de novo, dessa vez no meu rosto, mas saiu pouco leitinho dessa vez.
Me lavei, me vesti e me despedi. Fiquei de ligar depois, ainda não liguei. Ele me pediu uma coisa… que eu antes de lavar a boca, eu beijasse meu namorado na boca pra ele sentir o gosto do pau dele na minha boca. Eu concordei (tadinho do meu namorado).
Como eu tinha ido de moto, custei a ir embora, toda assada. Fui direto na casa do meu namorado, dei um beijo bem profundo, enfiei a língua na boca dele sem dó. Ele nem percebeu, tadinho.
Gostaram do meu conto? Tenho outras aventura que posso contar depois, com meu namorado mesmo tem muitas. Beijos, [email protected]

1 comentário sobre “Traindo meu namorado com homem casado

Deixe um comentário

CAPTCHA