Chupando a buceta toda gozada

Bom dia meus amigos, estamos aqui novamente para relatar nossas experiências de casal. Certo dia eu estava trabalhando e comecei a me sentir mal, com a pressão meio alta. Não gosto muito de sair do serviço, mas como eu sabia que aquela manhã era folga da minha esposa, e ainda era cedo, por volta de 8:30 da manha, ela com certeza estaria dormindo, por dar aula até tarde a noite. Pedi licença para ir pra casa ao meu chefe e fui sem avisar. Quando cheguei em casa tentei não fazer muito barulho caso ela estivesse dormindo, abri a porta cuidadosamente e já ouvi alguns barulhos ofegantes vindos do quarto. Meu coração quase saiu pela boca e pensei: Safada, deve estar se

masturbando logo cedo. Fui adentrando pela casa e eis que escuto um gemido alto de um homem. Fiquei maluco… Quando consegui ver a cama pela porta entreaberta, estava nosso vizinho, ex-namorado dela, deitado nu em nossa cama, e minha esposa linda e gordinha chupando cada pedaço daquele pau, que era um pouco maior e mais grosso que o meu. Fiquei ali observando escondido com o pau mais duro que pedra. Ela chupava e babava ele todo, isso que ela é toda nojentinha com cuspe, mesmo o dela. Chupava e deixava ele ensopado. Nisso ela enche a mão com seu próprio cuspe e esfrega naquele bucetão que eu imaginava ser só meu. Lubrifica a xoxota, separa os lábio e senta gostoso naquele pauzão, SEM CAMISINHA. E comigo ela só trepava camisinha por estar um tempo sem outros métodos contraceptivos. Fiquei louco de ciúme. Ela começou a cavalgar como sempre faz comigo, as vezes ela parava e ele ficava metendo forte, e ela gemia dizendo: Assim forte, aquele corno não mete assim nunca.. Vai… E ela cavalgava e seus peitos enormes pulavam. Só quem já viu sua mulher fodendo com outro na sua frente sabe do que estou falando. Ela gemia gostoso, e gemeu mais alto ainda quando ele enfiou um dedo no seu cuzinho, e nessa hora eu já estava gozando na minha mão. Ele pôs ela de quatro e começou a bombar e dizendo: Mete que eu preciso de pica, meu corno não me fode direito. Ele aumentou as estocadas e gozou dentro dela, levando ela a loucura. Os dois deitaram lado a lado e ficaram conversando, e ela punhetando seu pau todo melado, nem nojo nenhum, sendo que eu não posso nem chegar perto dela assim. Voltei para o carro sem fazer barulho, mandei mensagem pra ela explicando que estava ruim e que estava chegando em casa… , mas eu já estava na frente da porta. Fiz barulho e fui entrado, quando cheguei no quarto ela estava parada na janela, aberta, olhando pra fora, como se contemplasse o sol, vestindo apenas calcinha e sutiã. Dei uma esfregada na bunda dela e fui fazendo carinho, e ela tentando se esquivar, mas não conseguiu, deitei ela na cama, coloquei sua calcinha pro lado e chupei ela toda. E ela tri apavorada, mas eu me fiz de louco e chupei, depois coloquei uma camisinha e comi ela de frente até encher a camisinha de leite. Ela foi tomar banho meio desconfiada mas não tocamos no assunto. Foi uma delicia.

2 comentários sobre “Chupando a buceta toda gozada

  1. Ah corno gozei imaginado a situação.Pqp que tesão do caralho.Já passei sufoco comendo bucetabde casada e o corno chegou e tive que pular o muro dos fundos da casa.Sou ativo pra casais e mulheres sós namorados que queiram mostrar suas esposas noivas mãe irmãs só putaria no celular.Funcionárias publicas,gerentes de lojas vendedoras sempre com sigilo total e discrição exibicionista que goste de cornear o namorado o noivo ou marido me chama. Crentes que querem liberar seu tesão tem curiosidade sigilo total e discrição. Não a obesas e menores de idade. Sou de SP 18cm de rola.
    Onze nove cinco dois sete três meia dois quatro três

Deixe um comentário

CAPTCHA