Comi o cuzinho da sogra

Sempre respeitei muito a minha sogra e ela também a mim, mas confesso que desde a primeira vez que a vi senti um enorme tesão por ela.

Com seus 1,60 de altura loira seios fartos bunda avantajada nunca consegui desviar sequer o olhar se ela estivesse por perto.

Com o passar do tempo esse tesão só foi aumentando e a minha audácia e á audácia dela também.
Mas de minha parte ficou em olhares safados, elogios, mensagens de whatsapp e uma ou outra palavra com duplo sentido e também sempre muito prestativo a tudo.

E da parte dela sempre muito discreta, conservadora, olhares safados, algumas vestimentas mais a vontade (confesso que meu pau levanta na hora) sempre me dando a entender que também estava querendo.

Mas sempre vinha uma pergunta será que rola ou não rola?

Ela bem casada como eu também acredito que não faltava rola naquela buceta maravilhosa mas me perguntava o porque de tantos olhares, será que era normal será que era safado?

Fiquei na dúvida se ela queria tanto quanto eu aquele sexo gostoso e com medo de arriscar e por tudo a perder, então comecei a frequentar mais a sua casa horários alternados mas quase sempre não tinha sorte de encontra-la mais a vontade.

Comecei então a ficar mais na minha mas sempre dando a entender que queria comer aquela buceta gostosa.

Até que o esperado aconteceu me chama ela em um dia onde estava sozinha em casa queria ajuda para fazer umas coisas acredito eu que só pretexto para me chamar la e eu como sempre muito prestativo fui mas com a maldade na cabeça.

Chegando lá, ela me pediu para ajudar pegar umas coisas no escritório e chegando la ela arrebitou aquela delicia de bunda na minha frente e não existia coisa alguma, começou a abrir umas portas com caixas dentro e do nada veio para trás e encostou a bunda no meu pau, fui ao céu e voltei em 1 segundo que delicia meu pau que já estava duro chegou latejar de tesão.

Não me contive, virei ela dei um beijo demorado e com força aqueles de deixar sem ar, logo fui chupando seu pescoço erguendo sua camisa e mamando naqueles peitos fartos deliciosos fiquei chupando um tempo até que ela começou gemer de tesão como ela estava só de camisa comprida só baixei a calcinha e cai de boca naquela buceta linda e cheirosa chupei muito até que senti o gosto maravilhoso do orgasmo dela.

LEVANTEI coloquei ela apoiada na mesa com a bunda arrebitada, dei umas pinceladas com a cabeça do pau e comecei uma vai e vem lento mas gostoso ela gemia.

– AI SEU SAFADO EU SEMPRE SOUBE QUE VOCÊ ME QUERIA, QUE PAU GOSTOSO FODE A TUA SOGRINHA FODE.
E eu mandei ver um vai e vem frenético por uns 15 minutos quando olhei aquele cuzinho piscando e pedindo pau não aguentei e dei algumas lambidas deixei ele bem lambuzado e com muita calma encaixei a cabeça do meu pau nele e fui empurrando devagar ela apoiou a boca no braço e gemia

– QUE TESÃO MEU DEUS QUE DELICIA ENFIA TUDO VAI METE, METE NESSE CU GOSTOSO DA TUA PUTA.
Até que meu pau entrou todo e comecei um vai e vem gostoso ela gozou novamente e pedia que eu não parasse que a muito tempo ela não era tratada tão bem que queria sentir meu leite no cuzinho dela.

Do jeito que ela falava e pedia meu tesão foi aumentando e não me contive e gozei muito mas muito mesmo naquele cu delicioso deixei meu pau dentro por uns instantes dei um beijo nela por trás mesmo e fiquei encaixado nela para nos recompormos tirei meu pau murcho de dentro dela.

Nos beijamos novamente ela me pediu segredo obviamente que seria o nosso grande segredo e que teríamos mais momentos como aquele.

Ergui minha calça lavei meu rosto e voltei para casa me sentindo o homem mais feliz do mundo

-TODA SOGRA DEVERIA DAR PARA O SEU GENRO. palavras da minha sogra gostosa.

Ainda bem que ela fez isso se não tivesse feito nunca tinha chegado nela por medo e também respeito.

Deixe um comentário

CAPTCHA