O dia que perdi minha virgindade na escola

Hoje tenho 18 anos, mas vou contar o dia que perdi minha virgindade com 16.
Eu sempre fui baixinha, loira, olhos castanhos, magrinha com uma bundinha durinha.
Na época tinha um namoradinho na escola, a gente sempre se pegava nos corredores e as vezes matava aula da escola… mas as coisas estavam começando a esquentar, às vezes ele apertava minha bunda e passava a mão na minha buceta, o que me deixava toda molhada, e eu virgem estava louca pra dar pra ele.
Certo dia minha escola fez uma apresentação na quadra e todas as salas foram pra lá… não aguentei e chamei meu ficante, que já estava louco pra me fuder também… como as salas estavam vazias fomos em uma e fechamos a porta… começamos a nos beijar, e a coisa começou a esquentar, eu já estava molhada e ele começou a esfregar a mão na minha buceta e enfiar o dedo bem fundo varias vezes até eu gemer baixinho… aquilo já estava bom mas claro que podia melhorar, ele tirou o pau pra fora e eu comecei a masturbar ele e enquanto isso ele pedia pra me fuder…
– Vai gatinha, você é Virgem ainda ent eu enfiou só a cabecinha pra não doer.
-Ain não sei, só a cabecinha? Mas eu não tenho camisinha.
-Sem camisinha é mais gostoso vc vai sentir bem o meu pau em você e eu enfio a cabecinha bem devagar você vai gostar.

Eu não resisti e deixei
Ele levantou minha blusa e meu sutiã e quando vi estava mamando meus peitinhos bem gostoso enquanto passava a mão na minha bundinha e até dava umas batidas bem fortes…depois me pegou no colo e me colocou na mesa do professor eu estava deitada e toda molhadinha, então ele abriu minhas pernas tirou minha calça e minha calcinha, chupou minha xota e em seguida bateu o pau na minha bocetinha, e enfiou aquele pau que era bem grande por sinal, na primeira estocada eu dei um gemido alto
– ainnnnnnn não faz isso! Você enfiou o pau todo!
-Fica quietinha, geme baixinho, alguém pode escutar, eu vou te fuder direito você vai gostar.

um pau nunca tinha entrado na minha boceta, eu tentei fugir mas não aguentei, meu tesao era mais então eu deixei ele meter gostoso, e então ele tapou minha boca pra abafar os meus gemidos e começou a meter mais forte e mais forte, depois me pegou no colo de novo e sentou numa cadeira, eu estava em cima dele cheia de tesao doida pra dar e comecei a quicar, sentar gostoso naquela pica, sentei e sentei, quiquei bastante até gozar, e ele falando pra mim
– isso senta direitinho, você é magrinha mas é muito gostosinha, essa bocetinha então… isso novinha pula gostoso, quica nesse pau vaii, tá gostando?

– ainnnnnnnnnnn
Então eu apoiei meus pés na cadeira e empinei minha bundinha e ele começou a meter maiss
– tá gostando hein? Geme safada, não sabia que era putinha assim, com essa carinha de santinha não imaginei que ia gostar tanto de uma rola nessa sua bucetinha.
Então ele me levantou e colocou de bruço contra a mesa do professor
– vou meter de novo vagabunda, delicia
– mete com força então
– ah agora você falou o que quer, vai ter que aguentar
-ahhhhhijnnn
– isso geme putinha, geme na rola do papai aqui
– você é meu Papai agora?
– é, geme pro pai
-ainnn. Tão gostoso papai, mete com vontade mais forteee pra sua filhinha
– Delicia de buceta
– vaii papaiii
– rebola na rola do seu pai pra mim ver
-assim??
Ele bate na minha bunda
– Ain Papai vai bater assim??
– merece castigo por ser essa delicia
– vou rebolar mais então ainn
– rebola pro pai vai ninfeta delicia
Então ele meteu a rola no meu cuzinho
– ahhhhhhh papai ai não
– você merece, meter nesse cuzinho até gozar
– ahhhhhhhhhh tá doendoo
– não é assim que vc gosta filha? Vai responde
– ahhhhhh é assim papai, gosto que me foda com vontade
-como você cresceu hein, tem até peitinho digno de uma mamada e um cuzinho delicia
– ainnnnn me come gostoso então
– delicia hein geme vai geme mais
Eu só conseguia gemer naquele momento, com aquele pau entrando e saindo com força do Meu cuzinho
– enfia na minha boquinha vai
Ele enfiou mto fundo e eu engasguei
– assim que você gosta né ninfetinha, pau no cuzinho agora na boquinha vou meter na sua bocetinha de novo pra não esquecer do se pai te passando a rola e te comendo gostoso
Depois me pegou no colo e me colocou na mesa de novo, metendo na minha bocetinha mais uma vez
– é na bocetinha que você gosta né
– é sim me come vai papai, me come gostoso
– to te comendo, geme vai, pra saber se eu to te comendo como você merece
– ainnnnnn me come v
E ele meteu até gozar dentro da minha bocetinha

Deixe um comentário

CAPTCHA