Dando para o filho do meu padastro

Como na casa só tinha dois quartos eu fui dormir no quarto do filho dele, já que foi colocado uma cama nesse quarto. Minha mãe trabalhava no escritório de contabilidade de seu namorado e ambos saiam cedo e voltavam por volta das 20hs. Eu, desde pequeno sempre tive uma queda em palmear pintos de garotos, tanto da escola como e já tinha chupado alguns na escola. Minha bundinha era bem gordinha e bonita, que na escola me chamavam de bunda de menina. Os garotos gostavam de passar a mão na minha bunda e eu até que gostava. Um dia o filho do meu padrasto me chamou para deitar na cama dele eu aceitei eu fiquei de lado e ele encostou o pau dele na minha bunda. Em certo momento percebi que o pau dele estava duro e ele encostava bem no meu rego, como eu não reclamei, ele ficava roçando o pau na minha bunda. Acordamos no dia seguinte e percebi uma marca no short dele e achei que ele tinha gozado mas não falei nada com ele e ele também nada falou, mas confesso que eu gostei de ter dormido de conchinha com ele.

Sexo Por Telefone

Eu passei a olhar para o pau dele e via que era bem avantajado o que me deixou bastante curioso em saber a medida daquela pica. Um dia quando ele estava tomando banho eu entrei no banheiro, já que a porta estava meio aberta e abri a cortina para falar com ele e olhei para a pica dele e vi que realmente era bem grande e grossa. Ele me perguntou se eu gostei, eu disse que sim, ele então falou que se eu quisesse podia segurar nela, apesar de ficar com a maior vontade eu disse que não queria. Saí do banheiro e fiquei com raiva de mim mesmo pois era a oportunidade de eu segurar naquela pica maravilhosa. Eu só tocava punheta nos garotos e chupava um pau ou outro, era encoxado pelo Roberto, filho do meu padastro, as vezes por baixo do short mas nunca tinha sido penetrado, apesar de eu ter muita vontade de sentir uma pica dentro do meu rabo, eu tinha muito medo da minha mãe descobrir e brigar comigo. Dois meses depois o Roberto me chamou para eu dormir em sua cama e assim que deitamos ele começou a alisar a minha bunda por baixo do meu short e dizer que tem tocado muita punheta pensando em minha bunda e queria que eu chupasse a pica dele, pois ele estava com muito tesão, eu aceitei e por baixo da coberta chupei o pau dele e ele gozou na minha boca e pediu para eu engolir, na verdade nem precisava, pois a minha intenção era fazer isto. O pau dele continuou duro aí ele pediu para colocar na portinha do meu rego, eu falei que se fosse somente para encostar eu deixava e ele assim fez encostou o pau dele na olhota do meu cu e ficou me sarrando até ele gozar no meu reguinho, depois disto dormimos.

No dia seguinte, quando chegamos da escola, ele disse que queria comer meu cu eu concordei mas pedi para ele não contar para ninguém, que seria nosso segredo , ele disse que seria tudo bem. Eu fiquei de quatro na beira da cama e ele meteu a língua no meu rabo que me deixou com muito tesão então eu pedi para ele meter logo aquela pica no meu rabo. Ele pediu para eu abrir bem às minhas nadegas com as duas mãos, o que mostrou bem a auréola rosada do meu cu. Ele lubrificou bem o meu cu e a cabeça do seu pau com ky e posicionou aquela cabeçona na entrada do meu rabo e logo ao empurrar a cabeça logo entrou pois meu cu estava bem lubrificado, mas eu senti uma dor horrível e pedi para ele parar o que ele fez imediatamente e ficou com a pica dentro do meu rabo para eu me acostumar com ele dentro. Depois começou empurrar de leve e eu sentia aquela pica arrombando o meu cu e como já estava acostumado com aquela pica dentro de mim eu comecei a gostar e eu mesmo comecei a rebolar e empurrar para traz afim de que entrasse logo tudo dentro de mim, foi quando senti os pelos dele bater nas minhas nádegas e ele começou o vai e vem a princípio devagar, mas depois foi acelerando o que me fez gozar e sentir as veias do pau dele pulsar e ele soltou um urro e eu senti um jato quente dentro de mim. Ele tirou e colocou na minha boca que mamei o resto de porra que saiu do pau dele e lambi a cabeça deixando ela limpinha. Depois disso fomos tomar banho e descansar pois aquela foda tinha sido maravilhosa.

Deixe um comentário

CAPTCHA