Realizei minha fantasia ser Abusada

Sou a Samy, 26 anos, 1, 64m de altura, 68 kg, coxas grossas, bumbum redondo, peitinho medio, minha xaninha e meu cuzinho são lisinhos, sem um pelinho sequer, casada há 5 anos, apesar de casada minha vida em casa é normal mais é na rua que me aventuro. Nesse período de férias viajei bastante, sempre com o carro do meu marido era 2014 na epoca com 23 anos e 2 anos de casada . Estacamos em Matinhos praia do parana e a tarde fui no mercado comprar algumas coisas que faltavam, logicamente estava apenas de biquíni fio dental branquinho bem pequenininho, e uma pequena canga transparente, fiz meu show de exibicionismo, debruçando-me e expondo meu bumbum inteirinho, ou simplesmente parando para ver algo perto de alguns homens, e vinha cantarolando dentro do carro rememorando as secadas e até cantadas de alguns homens mais atrevidos, de repente ouvi um forte barulho

vindo da frente do carro e o carro ficou sem potência, levei um susto enorme, pois o carro é bem novo, apreensiva procurei uma oficina, pra variar estava sem celular para chamar meu marido, depois de algumas quadras encontrei uma, com aspecto bem ruim, mas estava desesperada e resolvi entrar assim mesmo, fui atendida por um homem de aparência rude, todo sujo e até cheirando mal, enquanto outros quatro homens aparentemente comiam algo no fundo.

Expliquei a situação para o sujeito que me atendeu, mas ele não tirava os olhos de meu corpo, estava muito assustada e pedi um telefone emprestado para chamar meu marido, mas foi tarde demais, ele me agarrou com aquelas mãos sujas e procurou minha boca, rejeitei ele mas como ele era muito forte, não me soltava de jeito nenhum, enquanto isso os outros chegaram e seguraram-me fortemente, e me colocaram deitada sobre uma cama imunda e mal cheirosa, o primeiro já tirou o pau pra fora da calça e me disse que todos ali iam me comer, por bem ou por mal, eu poderia sair depois de tudo andando ou então eu ia apanhar de todos eles até que eu participasse da festa, enquanto isso meu biquíni já tinha sido retirado com violência e a minha canga foi rasgada em pedaços, percebi que todos eles estavam admirando meu corpo, passavam suas mãos em mim, apertavam meus seios, coxas, xana, eles falavam que tinham tirado a sorte grande, que uma mulher que nem eu nunca ia dar para eles, resolvi colaborar pois não gosto de sentir dor, e também sou infinitamente mais fraca que qualquer um daqueles homens,

falei para eles me soltarem que eu seria boazinha com todos eles, um deles nem deixou eu terminar de falar e já socou com força seu pau duro na minha xana, reclamei pois ela estava seca e ardeu muito, outro sem prestar atenção ao que eu falava socou o pau na minha boca, enjoei com o cheiro dele, mas tentei caprichar no boquete, um terceiro passou margarina no meu cuzinho e meteu com tudo sua vara duríssima, vi estrelas, doeu muito, chorei muito, mas eles nem se importavam, fodiam-me com violencia, mas gozaram rápido, e rapidinho os outros dois homens me penetraram com suas varas na minha xana e no meu cuzinho, também esses dois não demoraram muito e já gozaram. Pensei que tudo tinha acabado, mas eles falaram que como o carro era importado o conserto ia ficar mais caro, engoli o choro com medo de ser surrada por eles, e exigiram uma chupeta em cada um deles, foi só seus paus ficarem duros novamente, que dois deles já passaram a me foder novamente, dessa vez, como estava toda melada de porra deles, as penetrações foram bem mais fáceis, e demoraram bem mais para gozarem, tempo suficiente para eu passar a sentir prazer, não cheguei a gozar, mas gemia de prazer sendo fodida por aqueles machos rudes e mal

cheirosos, assim que eles gozavam, eram substituídos por outros, perdi a conta de quantas vezes eles meteram em mim, foram horas sendo comida de tudo quanto é jeito por aqueles animais, alguns gozaram no meu rosto, seios, cabelo, meu corpo todo, outros na minha xana e no meu rabinho, até que depois de muita meteção me deixaram vestir meu biquíni e ir embora, nem vi eles consertando meu carro, meu corpo todo doía, minha xana e meu cuzinho estavam ardendo muito, tinha esperma escorrendo de dentro de mim e de meu corpo todo. Dirigindo o carro fiquei imaginando quantos dias eu ia precisar para voltar novamente na oficina e dar muito para aqueles machos rudes e selvagens. Quando cheguei na casa meu marido tinha ido a praia achando que estava lá entrei correndo e tomei um banho pois estava toda suja e com a buceta escorrendo porra, tomei um banho delicioso sentimento ainda meu corpo doendo, passei a mão a traz e via que meu cuzinho estava arrombado lavei ele enfiando os dedos para tirar todo vestigio de porra, peguei meu biquine e joguei fora ….. Juro que já fui “estuprada” outras vezes pois é meu maior fetiche mais fica para outros momentos… Espero que tenham gostado

1 comentário sobre “Realizei minha fantasia ser Abusada

Deixe um comentário

CAPTCHA